Logomarca - Tax Contabilidade

Faça aqui uma busca em nosso Site:

Sped-Fiscal - EFD:

A Escrituração Fiscal Digital (EFD), ou simplesmente Sped-Fiscal, é um arquivo digital que se constitui de um conjunto de escriturações de documentos fiscais e de outras informações de interesse dos Fiscos dos Estados e da Receita Federal do Brasil (RFB), bem como de registros de apuração de impostos referentes às operações e prestações praticadas pelo contribuinte.

Trata-se de uma obrigação acessória de grande importância na atualidade, por isso mesmo, incluímos nesta area de nosso site as principais Perguntas & Respostas relativas ao Sped-Fiscal. Todos materiais publicados nesta seção foram elaborados em conformidade com a legislação Federal e do Estado de São Paulo.

Dentre as Perguntas & Respostas já publicados, destacamos:


Registro K250: Parte da fabricação feita por terceiros - Informação. (Atualizado em: 11/06/2017)

Como informar no registro K250 os casos de processos em que apenas parte da fabricação é efetuada por terceiros? Exemplo – indústria calçadista onde apenas o processo “pesponto do sapato” é efetuado por terceiro, com o sapato retornando à empresa para a continuidade do processo de fabricação.


Registro K235: Materiais intermediários. (Atualizado em: 11/06/2017)

Os insumos classificados como materiais intermediários farão parte dos itens consumidos no Registro K235 do Bloco K do Sped-Fiscal?


Registro K235: Sobra de material de produção. (Atualizado em: 11/06/2017)

Temos uma dúvida quanto à sobra de material utilizado na produção e que poderá voltar para estoque. Por exemplo: para produzir um determinado material é requisitada do estoque uma chapa de alumínio, essa chapa está prevista na lista técnica para produzir esse material, no entanto, após o processo, não foi utilizada toda a chapa, digamos que se utilizou apenas metade dela. A dúvida surge no tocante ao Bloco K, em como retornar esse material para o estoque, sendo que consta na lista técnica a chapa como um todo?


Registro K235: Industrialização em terceiros. (Atualizado em: 11/06/2017)

Considerando que o industrializador deva indicar o consumo no K235 tanto dos insumos de terceiros consumidos, quanto os próprios, como ficará o controle do K200, diante da obrigatoriedade de emissão de nota fiscal de cobrança dos serviços e das mercadorias aplicadas na industrialização? Não pode ocorrer uma duplicidade de movimentação, visto que a mercadoria será informada no K235 e devolvida através de emissão de nota fiscal (Bloco C)?


Registro K235: Estoque de gás natural. (Atualizado em: 11/06/2017)

O estabelecimento utiliza para geração de vapor em sua caldeira gás natural fornecido por empresa de gás. Na situação atual a nota fiscal é registrada com o CFOP 1.101, contudo este consumo de gás não transita pelo estoque, a nota fiscal é lançada diretamente no centro de custos da caldeira, onde é apurado o custo da geração do vapor. Este gás deve transitar pelo estoque? Caso afirmativo, como devemos baixar de estoque, pois não abrimos ordem de produção para geração de vapor?


Registro K235: Desmontagem de matéria-prima. (Atualizado em: 11/06/2017)

Trabalhamos com 90% da produção sendo feita através da desmontagem de uma matéria-prima em diversos produtos. A origem da nossa matéria prima é o abate do frango vivo, dando origem a vários outros produtos: filé de peito de frango, coração, coxa, miúdo e etc. Precisamos saber quais são os registros obrigatórios para estes casos, onde os produtos não possuem uma estrutura definida para ordem de produção para informar os registros: 0210, K230 e K235.


Registro K235: Agrupamento de baixas de ordem de produção. (Atualizado em: 11/06/2017)

Em nossa empresa temos várias baixas de estoque do mesmo insumo de uma mesma ordem de produção no mesmo período. Podemos agrupar e mandar em um único registro com a última data da baixa, evitando assim um grande volume de registros?


Registro K235: Baixa de insumos e matérias-primas 100% perdida na produção. (Atualizado em: 11/06/2017)

A empresa, em seu processo produtivo, utiliza-se de fornos com altas temperaturas. É comum acontecer uma interrupção no meio do processo de produção, exemplo queda de energia, o que irá fazer com que todo o lote que estava sendo produzido no momento seja inutilizado e toda a matéria prima e insumos deste lote serão descartados como perda, elevando neste caso o percentual de perda a 100%, ficando em desconformidade com o percentual de perda da ficha técnica. Como proceder neste caso para baixa da matéria-prima e insumos como perda da produção?


Registro K235: Alteração na quantidade de insumo utiliada. (Atualizado em: 11/06/2017)

Utilizo o produto A em minha produção. A quantidade do produto A utilizada em cada modelo produzido bem como a sua perda, podem ser matematicamente calculadas e informadas no registro 0210 (consumo específico padronizado). Dependendo do operador que estiver realizando o trabalho, a quantidade efetivamente utilizada do produto A poderá sofrer pequenas oscilações, tanto para mais quanto para menos. Neste caso, poderá haver divergência entre o que informamos que seria consumido do produto A no registro 0210 e o que efetivamente consumimos e informamos no Registro K235. Como devo proceder para corrigir esta divergência que só pode ser verificada ao final do processo?


Registro K235: Correção de situação química. (Atualizado em: 11/06/2017)

Para produzir A, utilizo em minha fórmula padrão b+c+d. Diante da necessidade de corrigir uma situação química, terei que adicionar certa quantidade de Y (lembrando, não integrante da minha fórmula padrão, pois sua utilização é eventual, diante de uma necessidade especifica de correção de processo produtivo). Ressaltado que, ao aplicar Y não estou substituindo nenhuma outra matéria-prima integrante da fórmula. Como indicar no bloco K seu consumo? Quais são os registros corretos a serem feitos para escriturar essa operação?


Registro K235: Substituição parcial de insumo. (Atualizado em: 11/06/2017)

Se um insumo substitui parcialmente mais de um insumo/componente no Registro 0210, como deve ser feita a indicação de substituição? Em outras palavras, a utilização de A, por exemplo, em uma fórmula acarreta a diminuição nas quantidades utilizadas nos insumos B e C (por exemplo, porque A é de composto B e C), não substituindo totalmente os insumos B e C . Como faço o registro? Apontar no K235, no campo COD _INS_SUBST, significa uma substituição total de um item por outro ou pode ser uma substituição parcial /percentual? Se puder registrar percentuais, onde vou indicar esses percentuais utilizados e /ou reduzidos?


Registro K235: Produção um para vários. (Atualizado em: 11/06/2017)

Industrialização de soja e trigo e outros. A prática operacional no processamento da soja é, uma quantidade X de matéria-prima para uma produção Y de farelo de soja, Z de óleo bruto, A de casca. Inicialmente se tem uma expectativa de produto acabado baseado na amostra da matéria-prima. A matéria prima poderá dar maior ou menor rendimento em função da qualidade da mesma. O trigo em grãos, que segue a mesma prática da soja, X quilos de matéria prima, para Y de farinha de trigo e Z de farelo de trigo, a variação na produção se dará de acordo com a qualidade do trigo. Como informar no bloco K?


Registro K235: Água In Natura como insumo. (Atualizado em: 11/06/2017)

Temos o negócio de fabricação de tintas, um dos componentes é a água in natura, devo informar estoque de origem para registrar posterior consumo no Registro 235, sabendo que possuímos controle de capitação por hidrômetro?


Registro K235: Alteração de vaários insumo por um. (Atualizado em: 11/06/2017)

No registro K235 posso substituir um produto constante da lista técnica por diversos produtos? Por exemplo, tenho na minha lista técnica que para produzir o produto A, preciso de “x” quantidade do produto B. Porém, na minha produção tive que substituir o produto B pelos produtos C e D.


Registro K235: Reprocesso sem alteração do código de insumo. (Atualizado em: 11/06/2017)

Como tratar um “reprocesso”, quando significar a substituição de uma peça no produto já finalizado, como nos casos de troca de cor externa de um notebook, assim, a capa não utilizada volta ao estoque, ou seja, o saldo de capas não sofre alteração, visto que ocorreu substituição do mesmo produto característico. A troca de peças não altera o código do produto acabado.


Registro K235: Insumo que gera mais de um produto. (Atualizado em: 11/06/2017)

Como informar no Registro K235 os casos em que um insumo gerou mais de um produto?


Registro K235: Valores negativos. (Atualizado em: 11/06/2017)

No Registro K235 serão aceitos valores negativos nos casos de devoluções?


Registro K235: Ordem de produção com quantidade produzida inferior que a programada. (Atualizado em: 11/06/2017)

Se tenho uma ordem de produção de 100 peças que se inicia em 31/01 com produção de 80 peças e finalizada em 03/02 com produção de 20 peças: no Registro K235 devo demonstrar a quantidade de insumo consumida no período ou a quantidade total do insumo consumido na ordem de produção?


Registro K235: Devolução. (Atualizado em: 11/06/2017)

Quando ocorre a devolução de vendas em período futuro (divergente do esperado), ora já informada como encerrada a ordem de produção, podemos reabrir e efetuar as tratativas complementares e fechar novamente a Ordem? Exemplo: Ordem fechada em julho, em setembro recebemos a solicitação para reabertura da ordem encerrada em julho para agregar insumos e novamente será encerrada em setembro. Como informar no K200 e K235?


Registro K235: Recusa pelo controle de qualidade. (Atualizado em: 11/06/2017)

Determinado produto é recusado pelo controle de qualidade. Este produto é reclassificado e então desmontado para que suas partes sejam reaproveitadas em novo processo produtivo. Como informar esta situação no Bloco K? Como informar este novo produto e suas partes no Registro 0210?


Registro K235: Campo 05 COD_INS_SUBST. (Atualizado em: 11/06/2017)

Como informar no Registro K235 campo 05 COD_INS_SUBST (Código do insumo que foi substituído, caso ocorra substituição - campo 02 do Registro 0210) quando o mesmo produto substitui vários insumos/componentes no Registro 0210? Por exemplo, para produzir um produto X utilizo os seguintes insumos informados no Registro 0210 – insumo 1, insumo 2 e insumo 3. Porém, algumas vezes posso substituir os três insumos por uma liga que é composta destes mesmos três insumos. Como informar no Registro K235 sendo que a liga substitui os insumos 1, 2 e 3, porém tenho somente um campo para informar o produto substituído?


Registro K235: Não alocação de matéria-prima. (Atualizado em: 11/06/2017)

Determinada ordem de produção utilizou matéria-prima que não constou em registro de saída do almoxarifado e, consequentemente, tal matéria-prima não foi alocada como item consumido (K235). Como fazer?


Registro K235: Erros de apontamento. (Atualizado em: 11/06/2017)

Como registrar erros de apontamento no bloco K? Exemplo: a matéria-prima “A” é utilizada na fabricação do produto “B”. Em algumas situações a matéria-prima “A” acaba sobrando na ordem de produção. Entre estas situações temos: erro na ficha técnica (0210), qualidade da matéria-prima melhor que a habitual (aumentando o rendimento esperado no 0210), eficiência do empregado na manipulação da matéria-prima, erro no abastecimento (almoxarifado para a produção), abastecimento de materiais por solicitação da Produção.


Registro K235: Saída para produção em quantidade superior a Ordem de Produção. (Atualizado em: 11/06/2017)

Em nossa empresa damos saída dos insumos do almoxarifado para a produção NÃO na quantidade exata necessária a uma determinada ordem de produção. Um exemplo é a cola de sapato. A saída é feita em bombona, um reservatório plástico ou metálico, com capacidade de armazenagem muito maior do que a necessária para uma ordem de produção. O setor de produção vai utilizar a cola contida na bombona em várias ordens de produção até acabar, quando então faz a requisição de nova bombona para o almoxarifado. Neste caso, como devemos informar o registro K235 (insumo consumido)? Qual a data de saída a ser considerada no K235)?


Registro K235: Período de apuração houve somente retorno de insumos. (Atualizado em: 11/06/2017)

Como informar no Registro K235 os casos em que no período de apuração houve somente retorno de insumos ao estoque?


Registro K235: Retorno de componentes. (Atualizado em: 11/06/2017)

Como reportar retorno de componentes ao estoque?


Registro K235: Reprocesso. (Atualizado em: 11/06/2017)

Como informar no registro K235 os casos de empresas que produzem itens que utilizam como insumos reprocessados, como no caso de indústrias químicas?


Bloco D: Tomadores de serviços de transporte. (Atualizado em: 11/06/2017)

Os tomadores de serviços de transporte, quando obrigados à entrega do Sped-Fiscal, precisam entregar algum registro específico do Sped-Fiscal?


Registro 0200: Classificação dos itens do contribuinte. (Atualizado em: 11/06/2017)

Como são classificados os itens dos diversos estágios da produção e consumo no Registro 0200 do Sped-Fiscal?


Registro K230: Ordem de produção com término parcial. (Atualizado em: 06/06/2017)

Como informar no Registro K230 as ordens de produção com término parcial? Devem ser criados dois registros, um para a produção acabada e outro para produtos em processo? Exemplo: Produto 1 – Quantidade planejada 100 unidades, concluída a produção no fim do mês de somente 30 unidades.


Primeira página
1
2
3
4
5
6
7
Última página
Voltar Home Page Fale Conosco